Conta-tempo

+2 Tempo. Ao ritmo d’ampulheta… Tu, que és pó; ao pó retornarás… Em seu devido tempo. Tempo. Ao ritmo d’mar é… Tu, que és pó; Beba da Vida, conta-gotas de eternidade.

Continue lendo

Teologia em poesia: Justificado.

+28 Diante do meu pecado, dirijo-me ao calvário; todo o sangue derramado. Sacrifício vicário. Santa ira apaziguada. Justiça, então, satisfeita. Disse Ele: “está consumado”. Propiciação perfeita. Afastado de mim o cálice, este mesmo que Cristo bebeu, o pecado, do qual fora escravo, imputado ao Filho de Deus. A Deus agradou moê-lo; toda dor e intenso…

Continue lendo

Reciprocidade, graça e a dinâmica dos relacionamentos.

+9 Introdução: Grande parte das relações humanas são baseadas em reciprocidade – correspondência mútua, troca. Salvo exceções, como os vínculos baseadas em amor incondicional, entre uma mãe e seus filhos, por exemplo. Toda relação interpessoal é movida, em certa medida, por interesse – e não que isto seja de todo mal, visto que a palavra…

Continue lendo

Tesouros perdidos de um Evangelho banalizado.

+15 Lembro-me da primeira viagem que fiz em família para a Região dos Lagos, no Rio de Janeiro. O lugar é uma região praiana, com belíssimas paisagens naturais, muito a se explorar. E ali eu estava, um pré-adolescente deslumbrado, indo além das fronteiras já tão batidas de minha cidade natal, uma cidade maravilhosa, diga-se de…

Continue lendo

Teologia em poesia: Remido.

+20 Senhor, tu és rei. Único; poderoso Deus. Governa tudo que há. Ama e resgata os seus. Se em pecado fui concebido, nada poderia fazer, mas pela graça fui salvo, para a tua glória viver. Ó, graça soberana! Abriu-me o coração carnal, convenceu-me do pecado, endireitou o caminho mau. Se o inimigo, porém, tentar-me de…

Continue lendo

O problema do problema do mal.

+20 Vivemos num mundo polarizado, cercado por dilemas e perguntas. É fato que nos encontramos num contexto de “guerra” constante – sobretudo no campo das ideias. Neste contexto, ideologias buscam, a todo instante, convencer-nos de suas verdades a respeito do mundo, suas interpretações da realidade. Por um lado, a esquerda superdimensiona o papel corruptor das…

Continue lendo