Não Perca a Noção da Grandeza de Jesus

 

Observe esta história.

Havia um homem e seu filho, ambos colecionavam pinturas. O jovem precisou ir à guerra e morreu. Dias depois, o pai recebeu, do homem que carregou seu filho no campo de batalha, um pequeno quadro do busto de seu filho pintado por esse mesmo soldado que tentou salvá-lo. O pai, antes de morrer, organizou um leilão com todas as suas obras de arte, inclusive o quadro de seu filho estava entre os quadros famosos. (O desfecho estará na conclusão do texto).

ELUCIDAÇÃO: Autoria: Paulo, data: +/- 60 d.C. Ocasião: durante a primeira prisão de Paulo, em Roma, Epafras, um colossense, veio até ele e lhe contou que heresias estavam sendo ensinadas na igreja. Esta igreja não foi fundada por Paulo, talvez ele nunca tivesse ido lá. Propósitos: 1. Combater perigos de misturas religiosas, visto que, quando alguns se convertiam, continuavam com algumas práticas pagãs; 2. Tentar mostrar a suficiência de Cristo em todas as áreas da vida, pois muitos vieram de religiões sexuais e prestavam culto aos anjos e 3. Outros queriam retornar à Lei de Moisés, praticar o ascetismo e fazer grandes penitências.

Colossenses 1.13-20

Quem é Jesus Cristo?

 

  1. Filho do amor de Deus (v.13)

 

A idéia de Paulo aqui é fazer um contraste com a expressão anterior “… nos tirou do império das trevas…”. Ao invés de dizer em seguida: “E nos transportou para o reino da luz”, Paulo diz que Deus transporta o crente para o Reino do Filho do seu amor. O verbo “tirou”, “resgatou” ou “libertou” está no indicativo aoristo médio, ou seja, Deus resgatou (no passado), de uma vez por todas (ação pontilear) e para si mesmo (ação média).

 

  1. Imagem do Deus invisível (v.15)

 

Jesus representa tudo aquilo que Deus é. Ele é o resplendor da glória de Deus, e a expressão exata daquilo que Deus é (Hb 1.3). Ninguém jamais viu a Deus (Jo 1.18). Ele é a imagem de Deus, que não pode ser vista pelos incrédulos porque o deus deste século lhes cegou o entendimento (2 Co 4.4). Ainda antes de subir aos céus, Felipe disse: Mostra-nos o Pai e isso nos basta. Jesus respondeu afirmando que vê-lo era a mesma coisa de ver Deus o Pai (Jo 14.8, 9).  Apenas a imagem de Deus é invisível, mas tudo que Ele possui em seu ser pode ser mostrado na pessoa visível do Filho.

 

  1. Primogênito de toda criação (v.15)

 

Primogênito não deve ser entendido como primeira criatura de Deus, pois Jesus é eternamente gerado de Deus; nunca teve um começo. O termo deve ser interpretado como herdeiro da criação. Ou seja, tudo que foi criado por Deus, foi entregue ao seu Filho (Mt 11.27; Lc 10.22; Jo 3.35). O autor aos Hebreus diz que Deus, o Pai, o constituiu herdeiro de todas as coisas: “… nestes últimos dias a nós nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas…” (Hb 1.3). Logo, tudo que existe, de visível e de invisível, sejam anjos ou seres humanos, seres com vida ou seres sem vida, tudo é um presente do Pai para o Filho.

  1. Sustentador de todas as coisas (v.17)

 

O termo usado por Paulo indica transcendência. Jesus não é a criação, nem está misturado a ela. Pelo contrário, ele a sustenta (Hb 1.1-3). Jesus dá forças à criação, faz com que as coisas que foram criadas permaneçam de pé. Ele não apenas governa a criação, ele a supre de vida. Significa que Jesus está atuando na criação a todo instante impedindo o caos e a destruição. Tudo está firmado nele. Segundo Hendriksen:

 

“A unidade, a ordem, a harmonia, em toda a história está fundamentada em Jesus Cristo. Logo, tudo está sendo coerentemente mantido por ele. Não é a sorte ou o destino, nem a mãe-natureza, mas nele, em Jesus, todas as coisas subsistem”.

 

  1. Ele é a Cabeça do Corpo (da Igreja) (v.18)

 

Ele é “a Cabeça”, num sentido análogo ao conceito biológico. As funções do corpo são iniciadas na cabeça. Os hormônios que estão em todas as glândulas espalhadas pelo corpo são acionados pela pituitária que se encontra no cérebro. Ele é “o Cabeça” num sentido análogo ao de liderança. Ele determina as regras e o modo como a Igreja deve andar.  A igreja não tem crescimento sem ele, nem pode andar sem que seja segundo as determinações dele.

 

  1. Ele é Deus (v.19)

 

Jesus é como o Pai. Deus tanto quanto. Da mesma substância do Pai. Tudo que o Pai é Jesus também é. Jesus expressa visivelmente tudo que o Pai possui invisivelmente. Mesmo sendo Deus e, portanto, infinito, encarnou-se e se tornou como um de nós (Cl 2.9). Há uma ilustração que ajuda na idéia: “o oceano coube num balde”. É um dos grandes mistérios da fé cristã. Sendo Deus, dele procede a vida e tudo foi feito por ele.

 

APLICAÇÃO:

 

Pergunte-se: será que eu tenho consciência de quem é o Senhor Jesus? Tenho consciência de sua grandeza e de sua maravilhosa obra? Você já se preocupou com o que nossas crianças estão ouvindo sobre Jesus na escola, ou na TV, principalmente na Rede Globo?

Pela fé em Jesus começamos a fazer parte de um nono reino. Não estamos mais sob o domínio do pecado, mas do Espírito Santo. Ele veio nos mostrar como Deus é. O quanto o Pai nos ama. Como herdeiro do que foi criado, ele declara que nós somos dele. Tudo neste mundo e dele.

Como sustentador a ele devemos glória. Nós estamos vivos, com saúde, temos uma família, pessoas que nos amam, um emprego, uma casa e muito mais bênçãos. Tudo que nós temos está sendo sustentado constantemente pelo Senhor Jesus. Ele não abandonou as criaturas a simples leis naturais. Ele mesmo participa de todos os processos da vida, todos os dias.

Existem, no Brasil, muitos artistas que dizem absurdos a cerca de Jesus, como a Xuxa, Gaspareto e outros. Nossas televisões estão ligadas nesses programas. Novelas que negam a obra de Jesus, mas nossas televisões continuam ligadas. Existem até pais e mães que ensinam seus filhos a confiar no anjo da guarda.

A igreja (o povo de Jesus) deve andar segundo a sua Cabeça. Ele é quem dita as regras; e em sua palavra estão os seus mandamentos. Ele quer que a igreja cresça, mas que cresça conhecendo-o. Milhões de pessoas estão nas igrejas evangélicas do Brasil hoje, mas a sua maioria não sabe quem Jesus é de fato. Não seguem as ordens da cabeça. Crentes que fazem suas próprias regras, crentes que pensam que podem escolher no que devem crer sobre a Bíblia. Que o Senhor e seu Espírito nos livre destes enganos.

 

CONCLUSÃO:

 

Lembre-se do leilão do início, ele começou. O pai que já havia morrido também disse que o primeiro quadro a ser leiloado era o de seu filho, pintado pelo soldado que tentara salva-lo. As pessoas irritadas queriam rapidamente passar para os quadros mais famosos então alguém deu um lance bem pequeno pelo quadro do filho e ninguém fez questão de cobrir o lance. Para surpresa de todos, o leilão acabou imediatamente a arrematação do quadro menos valioso. Para maior espanto, o comprador do quadro do filho recebeu a notícia que poderia ficar com todos os outros quadros, que valiam milhões de dólares. Na verdade, o pai havia dito, em testamento, que tudo de mais importante que ele tinha era seu filho e aquele que se interessasse pelo quadro de seu filho, receberia gratuitamente todos os outros.

Imagine alguém muito rico, você sabe que esta pessoa é famosa por ter muito dinheiro, jatinhos particulares, contas milionárias e de repente você está caminhando na praça principal de sua cidade e se depara com esta pessoa extremamente rica, andando como mendigo e pedindo esmolas. Seria loucura aos nossos olhos. Infelizmente, esse tem sido o cenário da igreja evangélica brasileira, pessoas que não perceberam a riqueza que há em Cristo e precisam ficar mendigando um caquinho de espiritualidade aqui, uma migalha de sobrenaturalidade ali, o líder “ungidão” que afirma ter uma “revelação especial”, outro que diz ter um caminho mais elevado de vida espiritual acolá. Aprenda a riqueza que você já possui em Jesus, Sua graça, remissão de pecados, justificação da culpa, santificação, glorificação etc, para ficar por aí a mercê das propostas de espiritualidade alternativas que apenas compreendem uma versão diminuta de quem é Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *