Tempestades

Você já parou pra pensar naquele trecho do livro de mateus, em que os discípulos estão no barco, com Cristo dormindo, em meio a uma tempestade? Vamos conversar sobre esta belíssima história e as lições que ela traz a nossas vidas?

Leiamos então o texto de Mateus, capítulo 8:

23 E, entrando ele no barco, seus discípulos o seguiram;
24 E eis que no mar se levantou uma tempestade, tão grande que o barco era coberto pelas ondas; ele, porém, estava dormindo.
25 E os seus discípulos, aproximando-se, o despertaram, dizendo: Senhor, salva-nos! que perecemos.
26 E ele disse-lhes: Por que temeis, homens de pouca fé? Então, levantando-se, repreendeu os ventos e o mar, e seguiu-se uma grande bonança.

Pessoal, quantas informações e lições podemos ler aqui, percebem?

Cristo, em sua humanidade, precisava descansar, pois estava em uma “jornada” de diversas pregações e milagres (até o sermão do monte, incluo aí). Então, em sua viagem, optou por descansar. Como é bom, poder descansar, sabendo que “cumprimos a missão”, quando fizemos o máximo que poderíamos. Este era l quadro. Cristo havia feito muita coisa, era hora do seu descanso.

Durante o percurso, vem uma tempestade, mas não qualquer tempestade, uma grande tempestade que gerava ondas que cobriam a embarcação dos discípulos… talvez você não esteja percebendo a brutalidade da tempestade ainda: OS DISCÍPULOS ERAM PESCADORES! Eles viviam no mar, já tinha experiências com tempestades, com águas calmas, com todo tipo de situação, mas aquela tempestade em especial eta tão caótica que eles correram a Jesus, que estava dormindo e o chamaram. Percebem o “drama daquela tempestade”?.

Mas a reflexão que temos que aplicar em nossas vidas é a seguinte: Se você está em meio a uma tempestade, por maior que ela seja, descanse em Cristo, pois se Ele está no barco, jamais permitirá que náufrague. É esta a lição que aprendemos com Cristo aqui, se Ele está no barco, se Ele está em nossas vidas, não devemos ter medo de nossos problemas e lutas, devemos na verdade aprender a enfrenta-las com mansidão e paciência, pois Cristo é nosso refúgio. Se estás numa luta, não ore pedindo para que ela acabe, ore pedindo sabedoria para extrair dela força, para que seja abençoado com humildade, sabedoria e fé, através de sua dificuldade.

Descansamos em Cristo! Somente em Deus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *