Semeando – A Universalidade da humanidade

SÉRIE: SEMEANDO

A UNIVERSALIDADE DA HUMANIDADE

 – Romanos 3 –

“Como está escrito: Não há justo, nem um sequer”. Romanos 3:10

Esse é o estado do homem!!!
Nossa condição não depende de como estamos, bem ou mal, rico ou pobres, mas sim como estamos perante Deus.
Justo= Reto, íntegro, inculpável…
Fomo criados assim, mas com a queda, perdemos este estado, por isso não há um justo, nenhum!
O homem é depravado e precisa ser salvo!!!

“Não há justo, nem um sequer”. Romanos 3:10

Imagine um prumo, instrumento que o mestre de obras utiliza para verificar se a parede está alinhada, neste caso, Deus o utiliza para medir a justiça.
Se o primeiro tijolo (Adão), saiu do alinhamento, ou seja, do prumo (Justiça), toda a construção (humanidade), também saiu.
Então toda construção (humanidade), está condenada, é só há uma solução, derrubá-la (velha criatura), e construir de novo.
Se o primeiro tijolo (Adão) saiu do prumo, todos os demais tijolos (nós), saímos.
Veja que o homem não é injusto pelos pecados cometidos hoje, mas pelo “estado” que está.
A construção (humanidade), precisou de um mestre (Jesus), para derruba-lá e erguê-la novamente (salvação).

“Não há quem entenda” Romanos 3:11

Veja mais uma vez, Paulo não fala de uma pessoa específica, mas fala de TODOS, é um estado universal.

Mas não entendem o que:

1) A Verdade a respeito de Deus (Salmos 10:4 e 53:1)
2) Para que foram feitos e porque existem (Isaías 43:7)
3) Sobre o pecado e sua natureza (Col. 3:5-6)
4) Da real felicidade (Prov. 28:14 – Sl. 4:7)
5) Do Destino eterno (Jo. 3:18 – Mat. 10:28)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *