Matrix e a realidade invertida

Matrix é um mundo irreal, ou seja, é um sistema criado por um poder totalitário no qual quer manter a população mundial sob as suas rédeas. As pessoas são conduzidas por essa Matrix a pensarem que são livres, que tem uma vida agradável com suas famílias, seu trabalho, seu lazer, mas na verdade elas estão aprisionadas no sistema vigente.
A Matrix decide a forma na qual devemos pensar, define o tipo de conteúdo que será divulgado na grande mídia, e todos são levados a crer na realidade que ela deseja que acreditemos. É a mesma coisa de um peixe entro de um grande aquário, ele pode achar que aquele aquário é o mundo que existe pois é um espaço grande para ele, tem comida a vontade, a água é limpa, mas ele não consegue perceber que dentro daquele lugar, ele não passa de um animal preso dentro de um sistema que o condicionou a ter a ideia de liberdade que o seu dono quis que ele tivesse.

Neo, personagem de Keanu Reeves em Matrix começa a pensar diferente do senso comum, e começa a perceber que existe uma realidade diferente daquela em que sempre foi dita. Ele percebeu que a realidade poderia ser diferente daquela em que ele vivenciava e que talvez ele estivesse aprisionado em um mundo no qual há uma dominação de um sistema que os subjuga a ter uma vida dentro de padrões estabelecidos.
Neo conhece Morpheus, o líder de uma milícia que quer enfrentar o sistema imposto pela Matrix. O trabalho de Morpheus com Neo é abrir os olhos de Neo para faze-lo perceber que aquele mundo em que ele vive e ele é funcionário de uma empresa de software não é a verdadeira realidade, que na verdade ele está vivendo em uma Matrix, uma realidade invertida. Morpheus dá a opção para Neo de tomar a pílula vermelha ou a pílula azul. A pílula vermelha representava o conhecimento da verdade, de um mundo onde ele não seria escravo do sistema e ele teria liberdade para pensar de uma forma crítica, a pílula azul representava continuar inerte à Matrix e continuar sendo servo de um sistema opressor que dá uma falsa realidade à população.

Neo toma a pílula vermelha e enxerga a realidade ” verdadeira”. Percebe que todos os conceitos que falaram para ele estava baseado em sofismas e mentiras e que ele apenas ajudava a manter um sistema que na verdade o aprisionava!
O momento da abertura dos olhos de Neo para a verdadeira realidade e a quebra das correntes do pensamento que o aprisionava pode ser comparado àquilo que está escrito “Ele vos deu vida, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados, nos quais andastes outrora, segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe da potestades do ar, do espírito que atua nos filhos da desobediência; entre os quais também todos nós andamos outrora, segundo as inclinações da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos, por natureza, filhos da ira, como também os demais. Mas Deus, sendo rico em misericórdia, por causa do grande amor com que nos amou, e estando mortos em nossos delitos, nos deu vida juntamente com Cristo- pela graça sois salvos.” Efésios 2:1-5

Fazendo uma analogia de Matrix com o cristianismo e a conversão do homem, Morpheus é o Espírito Santo que nos dá a pílula vermelha e nos faz enxergar a realidade de que somos pecadores, necessitamos de um salvador e que éramos escravos de um sistema (Satanás) e que agora somos livres mediante o sangue de Jesus Cristo.

E assim como em Matrix, o evangelho nos liberta da opressão, do medo, mas pelo motivo de não estarmos mais na Matrix, seremos perseguidos, terá dias em que talvez até na nossa mente termos tomado a pílula azul e continuarmos escravos, mas depois veremos que a graça de Deus nos basta e por maior que seja a batalha, o Senhor pelejará por nós e a verdade sempre vencerá!
Neo não derrotou a Matrix pela sua força, mas derrotou-a porque era um escolhido, assim como todos aqueles que confessam seus pecados e se arrependem terão seus nomes escritos no livro da vida e vestirão as vestes do cordeiro.

“O vencedor será vestido de vestiduras brancas, e de modo nenhum apagarei o seu nome do Livro da Vida; pelo contrário, confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante dos seus anjos.” Apocalipse 3:5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *