O que controla a nossa mente?

“Não existe mente livre. A nossa mente não foi feita para ser livre. Todas são escravas,
são servas. De quem a nossa mente é serva”?

Essas são palavras ditas pelo pastor Jonas Madureira em uma palestra sobre apologética ou
defesa da fé. É uma expressão bastante polêmica nos dias de hoje, pois quem emitir um tipo
de opinião desses pode ser taxado de intolerante ou alguma coisa parecida, mas parto do
pressuposto de que todos tem uma cosmovisão, a qual é a maneira de alguém enxergar o
mundo. De alguma forma ou de outra, todos nós, uns mais que outros, obviamente, são
doutrinados. As pessoas são manipuladas na forma de vestir, na forma de falar, como ela deve
agir nas diferentes relações sociais e isso é imposto pela sociedade. Vemos que a mídia nos
direciona na forma de relacionarmos com os nossos familiares, qual a idade que devemos ter
para namorar, tudo isso é implantado na nossa mente de tal forma que não paramos para
refletir e vermos quão dominados somos por fatores externos à nossa vontade.
Como a cosmovisão da mídia, seja internet, televisão, revista, ou outro meio de comunicação é
esquerdista/ ateísta, ela irá influenciar os seus ” soldados” para o relativismo e a negação da
verdade. Para eles não existem verdades absolutas, pois cada um deve agir como se sentir
melhor. É algo interessante esse conceito de cada um ter a sua verdade, pois como pode a
minha verdade ser oposta à verdade de outra pessoa? Não existe ambiguidade na verdade, o
oposto da verdade é a mentira, pois se não existe uma verdade, por que eu devo seguir uma
mentira? Se não houve um Deus criador que ordenou todas as coisas segundo o conselho da
Sua vontade, mas uma explosão cósmica desordenada que nos deu a vida, como não
desconfiar que o meu pensamento não é fruto de uma alucinação. Como eu devo ter fé em
algo se a fé não é um dom de Deus, mas um fruto do acaso? Portanto, se cremos em Deus,
seremos influenciados pela Sua palavra, mas se relativizarmos a verdade, seremos servos do
relativismo.
” Vê que proponho, hoje, a vida e o bem, a morte e o mal; se guardares o mandamento
que hoje te ordeno, que ames o Senhor, teu Deus, andes nos seus caminhos, e guardes
os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, então, viverás e te
multiplicarás, e o Senhor, teu Deus, te abençoará na terra à qual passas para possuí-la.
Porém, se o teu coração se desviar, e não quiseres dar ouvidos, e fores seduzido,e te
inclinares a outros deuses, e os servires, então, hoje, te declaro que, certamente,
perecerás; não permanecerás longo tempo na terra à qual vais, passando o Jordão, para
a possuíres.”
Deuteronômio 30:15-18

Este texto fala sobre a advertência de Moisés ao povo de Israel. Se Eles servissem ao Senhor,
seriam prósperos em Canaã, mas se desobedecessem e relativizassem a verdade imposta por
Deus, seriam expulsos da terra e a mão de Deus não os livraria dos seus inimigos.
Na sociedade pós-moderna, as pessoas fazem aquilo que elas acham que é certo, não estão
limitadas por regras, porém este caminho não está trazendo a paz que só a palavra de Deus
pode dar. Podemos ler textos de Marx, Nietzsche,Platão ou outro filósofo qualquer e tirar
proveito dos seus ensinamentos, pois não posso ser ignorante e jogar todo seu arcabouço
teórico no lixo, mas para andarmos no caminho de vida devemos crer na palavra e sermos
cativos daquilo que Deus nos ensinou através das Escrituras. Portanto, se alguém perguntar
por que Deus existe, tenha fé o suficiente para dizer que foi porque a BÍBLIA ASSIM O DIZ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *